Plataforma auxilia estudantes um mês antes da prova do Enem

Como é sabido pela grande maioria das pessoas, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é um exame que visa avaliar o grau de instrução adquirido pelos estudantes ao longo do Ensino Médio.

Apesar de ter sido desenvolvido com o principal objetivo de diagnosticar o ensino, atualmente o Enem é considerado como um grande passaporte para o Ensino Superior, tendo em vista que hoje em dia inúmeras universidades federais utilizam o Enem como processo de seleção para as vagas oferecida nos mais variados cursos disponíveis nestas instituições.

Para substituir o Enem quanto a conclusão do ensino fundamental e médio, é realizada a prova do Encceja para jovens e adultos. Sabe-se a importância desse diploma, por isso, existe esse exame. Assim, é muito mais fácil de conseguir um bom emprego e se qualificar no mercado de trabalho.

Para que você possa estudar e se preparar, é possível utilizar as provas anteriores do Encceja, as mesmas são encontradas na internet para download.

O Enem já existe desde o ano de 1998 e passou por uma intensa reformulação no ano de 2009, quando passou a ser processo seletivo para inúmeras instituições de ensino superior. Tal iniciativa partiu do Ministério da Educação e foi apoiada pelo Governo Federal, sendo desenvolvida com o intuito de democratizar mais o acesso à educação no Brasil. De modo geral, esta iniciativa vem dando certo e vem trazendo bastante retorno, principalmente para os alunos oriundos da rede pública de ensino do país.

Além de ter a chance de participar do sistema de seleção para faculdades públicas federais por meio do programa SiSu, os candidatos ainda têm a possibilidade de concorrer à bolsas de 50 a 100% em instituições de Ensino Superior particulares por meio do Prouni. Vale lembrar que as instituições que adotam ao Enem como processo seletivo utilizam as notas da forma que acharem mais pertinente, ou seja, definem as diretrizes do processo de seleção baseadas no Enem da forma que acharem mais pertinente.

Para o ano de 2012 o Enem seguirá o mesmo padrão das edições anteriores, acontecendo em dois dias de exames e testando os conhecimentos adquiridos pelos alunos ao longo do Ensino Médio por meio de questões objetivas e uma redação na modalidade dissertativa. Sendo assim, para o ano de 2012 mantêm-se a abordagem proposta nas edições anteriores avaliando o conhecimento adquirido nas seguintes áreas do saber: Matemática e suas Tecnologias; Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias.

Estímulo à leitura e educação

O SIIG (Sistema Integrado de Informações Gerenciais) está chegando aos dez estados das regiões Norte e Centro-Oeste. A previsão é que já no primeiro trimestre do próximo ano o sistema esteja sendo implantado na maioria das secretarias. Com a informatização dos órgãos, as secretarias de Educação terão melhores condições para monitorar desde o quadro de docentes até gastos com energia, água e telefone.

Se você deseja realizar um curso, em qualquer nível que seja, poderá se inscrever no Educa Mais Brasil 2019, programa criado com a intensão de auxiliar os jovens com menos condições a continuarem seus estudos.

O SIIG representa uma grande evolução para as secretarias, já que em recente visita aos estados os consultores encontraram um cenário ruim. Muitas das secretarias não são informatizadas, e as que são possuem computadores obsoletos e não têm estrutura de rede, o que dificulta o fluxo de informações.

Além disso, poucas têm coordenações específicas de informática e falta um modelo de gestão de informações próprios para a educação. “O sistema geralmente usado é da Secretaria da Fazenda, o que não atende de forma eficaz e completa às particularidades dos órgãos de educação”, aponta Marcos Suassuna, consultor do Sistema.

“A informatização proporcionada pelo SIIG será muito importante. Minha realidade, ainda hoje, é lidar com pastas suspensas, arquivos e muitos papéis. Agora o serviço será mais ágil e eficaz”, prevê Tamara Vasconcelos de Azevedo, chefe de Serviços Gerais da Secretaria de Educação de Rondônia.

Ao todo o Sistema atua em oito módulos: normatização e legalização, recursos humanos, materiais e patrimônio, engenharia, planejamento, apoio jurídico e administrativo e nas áreas financeira e educacional.

Jorge Constantino Araújo, coordenador de Tecnologia da Informação da Secretaria de Educação de Goiás, acha que a principal vantagem do SIIG é facilitar o planejamento das ações. “Com a organização de informações, tomaremos decisões com base na realidade. Além disso, estamos prevendo uma redução de 73% em nossos custos”, afirma.

Se você não possui tempo e não tem como se locomover até uma instituição de ensino, mais uma grande vantagem desse programa é o Educa Mais EAD, que fornece ensino à distância em diversos cursos, assim, não há mais nenhuma desculpa para você não estudar.

Planejamento

Até a data de início de funcionamento do Sistema os secretários estaduais de educação, os coordenadores estaduais do fundescola e os técnicos das secretarias estarão envolvidos na discussão do SIIG e na elaboração do Plano Diretor de Informática (PDI).

Um dos primeiros passos para a implantação do Sistema foi a ida de um consultor às secretarias estaduais do Norte e Centro-Oeste, este ano, para entrevistar os técnicos responsáveis por cada uma das áreas em que o SIIG atuará. Segundo Marcos Suassuna essas visitas serviram para conhecer as especificidades de cada estado, o que possibilita uma melhor adaptação do Sistema às demandas.

A inscrição Educa Mais Brasil pode ser feita através do site oficial do programa, basta acessar a página e seguir as instruções corretamente.

O objetivo é desenvolver softwares que atendam às exigências comuns de informação das dez secretarias, estabelecendo um único projeto para todas, o chamado Projeto Coletivo. Também foram realizadas reuniões para levantar o perfil das secretarias e a agenda de trabalho.

O resultado das discussões e dos trabalhos conjuntos resultarão no PDI. “O Plano norteará as ações de informatização das secretarias, delineando objetivos e traçando caminhos para obtê-los”, diz Suassuna. A previsão é que até dia 15 de dezembro os PDI das dez secretarias estejam prontos.

O processo de informatização feito pelo SIIG compreende a aquisição de microcomputadores e softwares, criação de equipe de informática, elaboração e instalação de projetos de rede, desenvolvimento de softwares para funções operacionais, estratégicas e gerenciais, e o treinamento de recursos humanos para a utilização dessas novas tecnologias. Além da simples informatização, uma das principais vantagens do SIIG é o estabelecimento de uma cooperação entre as diferentes áreas das secretarias de Educação.

Como Entrar na Faculdade com Bolsa de Estudo

Quer entrar na faculdade, mas não tem grana para bancar os estudos? Com o Quero Bolsa 2019 fica muito fácil em conquistar esse sonho. Encontre sua bolsa de estudos e comece a estudar no curso que você tanto deseja. Quer saber como? Aqui neste post te explicamos tudo sobre o Quero Bolsa 2019, vem conferir!

Quero Bolsa 2019

Em funcionamento desde 2012, o Quero Bolsa já ajudou milhares de estudantes a pagar menos na faculdade, facilitando o ingresso de quem não tinha condições de pagar a mensalidade que a instituição pede. Um site que reúne instituições nacionais, com uma enorme variedade de cursos, mesmo não tendo relação com o site do Enem, facilita seus estudos, ofertando bolsas com descontos de acordo com o que você pode pagar por mês.

São mais de 800 faculdades parceiras e mais de 230 mil bolsas em todo o Brasil! Com o Quero Bolsa 2019 você tem a grande chance de iniciar seu estudo de graduação ou pós-graduação. O Quero Bolsa 2019 funciona de maneira muito simples e rápida. Sem precisar sair de casa e enfrentar aquelas filas enormes, você só precisa de um computador e acessar o site.

Nos próximos tópicos, nós te mostraremos passo a passo para fazer sua inscrição. Você escolhe uma bolsa disponível em uma das instituições parceiras, adequa a suas condições e orçamento, faz a pré-matrícula no site, e pronto! Já pode ir até a instituição com seu desconto para começar a estudar.

Outra opção é um programa muito parecido ao Quero Bolsa, o Educa Mais Brasil, o qual oferece bolsas de estudos de até 70%, sendo cursos desde o ensino básico até a pós-graduação. Aproveite!

 Parceiras do Quero Bolsa 2019

São mais de 800 faculdades parceiras para você escolher. Com certeza tem um bem pertinho de você! O Quero Bolsa 2019 oferta cursos nas seguintes localidades:

  • Maceió – AL
  • Macapá – AP
  • Manaus – AM
  • Salvador – BA
  • Brasília – DF
  • Goiânia – GO
  • São Luís – MA
  • Campo Grande – MS
  • Juiz de Fora – MG
  • Curitiba – PR
  • Ponta Grossa – PR
  • Belém – PA
  • Recife – PE
  • Natal – RN
  • Porto Alegre – RS
  • Macaé – RJ
  • Niterói – RJ
  • Boa Vista – RR
  • São José – SC
  • Tubarão – SC
  • Aracaju – SE
  • Campinas – SP
  • Entre inúmeras outras.

Não encontrou nenhuma próxima a você? Não tem para que se desmotivar. Você tem a opção de fazer Faculdade à Distância. Ou até mesmo se você encontrou uma faculdade próxima a você, mas não tem muito tempo para se deslocar até lá. Os cursos em EAD são uma excelente opção!

Universidade Norte do Paraná – UNOPAR

A Unopar – Universidade Norte do Paraná – foi fundada em 1972, com o Centro de Estudos de Londrina, assumindo o funcionamento do Colégio São Paulo, mantido por uma congregação religiosa. Após o passar dos anos e com a ampliação, a Unopar tornou-se uma grande universidade, e hoje conta com cinco campi em Londrina, no Paraná, além de campi em mais três cidades, oferecendo cursos de graduação, especialização, mestrado, doutorado, cursos de extensão e capacitação profissional e cursos técnicos, através do Pronatec.

A Unopar antecipou-se às outras instituições de ensino e estabeleceu o prazo de inscrições para os candidatos de 23 de julho a 15 de agosto último. Assim, quem pretendia estudar na Unopar, poderá encontrar duas opções: esperar o próximo vestibular, ou partir para a Universidade Virtual, metodologia oferecida pela instituição de ensino, promovendo o Ensino à Distância.

Entre os meses de fevereiro e março de 2019 deverá ocorrer o próximo vestibular Unopar 2019, datas essas em que será possível fazer o vestibular agendado, sendo oferecidas as vagas remanescentes do processo de vestibular realizado anteriormente, e sempre depende dos resultados apresentados.

Candidatos que tiverem interesse, poderão procurar no site da instituição a existência de vagas dos cursos pretendidos, no endereço http://www.unoparead.com.br, onde estarão disponíveis a oferta de cursos e as datas de realização das provas respectivas: à escolha do candidato. A Unopar vem investindo, há alguns anos, no Ensino à Distância, criando a Unopar Virtual e oferecendo os cursos via internet, com presença dos alunos sendo obrigatórias pelo menos uma vez por semana, a exemplo de outras instituições de ensino, que visam propagar o ensino de nível superior pelo país.

A Universidade Norte do Paraná é, atualmente, uma das mais conhecidas pela modalidade de Ensino à Distância, possuindo cursos de licenciatura, bacharelado e cursos superiores de tecnologia, todos exigindo um encontro presencial por semana.

Inscrições Vestibular Unopar 2019

As inscrições no vestibular Unopar Virtual devem ser feitas no site da Unopar, no endereço https://vestibular.unoparead.com.br/inscricao/index, agendando o dia para realizar o processo seletivo e imprimindo o boleto bancário no valor de R$ 30,00. A Unopar exige alguns documentos, como a cópia do boletim individual de resultados do Enem, o requerimento da inscrição preenchido e o comprovante original de recolhimento da taxa de inscrição.

Na Unipar Virtual são oferecidos os seguintes cursos:

Cursos Superiores de Tecnologia na Unopar:

  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas;
  • Gestão Ambiental;
  • Processos Gerenciais;
  • Marketing;
  • Gestão Hospitalar;
  • Estética e Imagem Pessoal;
  • Gestão de Recursos Humanos.

Cursos de Licenciatura e Bacharelado na Unopar:

  • Ciências Contábeis;
  • Administração;
  • História (Licenciatura);
  • Pedagogia (Licenciatura);
  • Letras (Língua Portuguesa – Licenciatura);
  • Serviço Social.

Os resultados de vestibulares da Unopar Virtual são informados no próprio site, devendo o aluno verificar a data de liberação de sua prova. Ao buscar o resultado, bastará o número de inscrição do CPF do candidato para visualização dos resultados.

Para o aluno, é de extrema importância acompanhar todas as informações do site e suas atualizações, marcando bem as datas pré-estabelecidas pela instituição de ensino ou as agendadas através do site, já que há uma disciplina a ser seguida, da mesma maneira que numa universidade presencial.

Resultados Vestibular Unopar 2019

Assim que os resultados estiverem divulgados, poderão ser acessados através do site da universidade: http://www.unoparead.com.br

Se você quiser ingressar em uma universidade é preciso já ter concluído o ensino médio, e para preparar melhor os alunos da rede pública de São Paulo, o Governo Estadual criou o Caderno do Aluno 2019, o qual incentiva os alunos a estudarem mais e ainda iguala o ensino em todas as escolas publicas do estado.

Seguro Viagem: Indispensável!

Sempre que nos preparamos para uma viagem deveríamos fazer um check-list, uma lista com o que levar e, principalmente, o que não esquecer.

Escova de dente. Ok. Tênis já amaciado. Ok. Roupa para frio. Ok. Casaco. Ok. Seguro viagem. Ops! Esqueci…dos itens acima, diria que o seguro viagem é o mais importante. Claro, se você vai a São Petersburgo na Rússia em pleno inverno é bom não esquecer o casaco também.

Seguro Viagem
Seguro Viagem

É muito importante que você esteja seguro quando for viajar, mas no dia a dia a segurança também é necessária. Por isso, existe o seguro obrigatório DPVAT, que deve ser pago todos os anos junto ao IPVA. Esse seguro é destinado para vitimas de acidentes de trânsito.

Muitas pessoas só se dão conta de que deveriam ter feito um seguro viagem quando, infelizmente, algo acontece em sua viagem dos sonhos. Com a facilidade em se contratar esse serviço, o seguro viagem virou item obrigatório em qualquer lista de viagem. Afinal, o dinheiro que você gastaria em seu passeio deveria ser em presentes e não em caríssimas contas de hospital ou clínicas médicas. Imagine quantos perfumes, em Paris, você compraria com 30mil dólares?

Vamos esclarecer um pouco mais como funciona o seguro viagem.

  • Primeiro, vai a dica: antes de viajar faça um check-up completo com seu médico.
  • Segundo: entre em contato com seu plano de saúde para ver se na região onde você vai estar há cobertura.

Em seguida verifique com seu cartão de crédito se ele disponibiliza seguro viagem. Caso sejam negativas as respostas anteriores, você terá que contratar mesmo um seguro. Alguns países da Europa que assinaram o Tratado de Schengen exigem que os visitantes portem seguros-saúde com cobertura mínima de 30 mil euros para adentrar suas fronteiras. Se for praticar esportes radicais, é preciso a cobertura contra acidentes.

Quando acontece um acidente em São Paulo, o condutor do veículo deverá acionar o DPVAT 2019 SP, para que o mesmo se encarregue de pagar a indenização para a vítima cobrir todas as suas despeças. Mas, lembre-se de manter o seu imposto em dia.

Mas como funciona o seguro-viagem?

Simples, da mesma forma que funciona o seu plano de saúde aqui no Brasil. Se você adoecer ou precisar de uma consulta com um médico a empresa paga suas despesas. E mais: normalmente o seguro viagem disponibiliza outros benefícios como assistência para extravio de bagagem, assessoria jurídica, perdas de documentos e cartões de crédito, traslados por motivo de enfermidade ou acidente, assistência a atrasos ou cancelamentos de vôos. Cada empresa oferece seus próprios serviços, então pesquise muito bem.

Antes de contratar o seguro, verifique se a empresa oferece cobertura odontológica e de remédios e, principalmente, qual o teto, o máximo que o plano cobre com os gastos médicos e se ele, inclusive, cobre internação. Então, atenção na hora de assinar o contrato.

Mas, com tantas opções no mercado, qual a melhor? Particularmente, e sugiro a todos, que de preferência aquelas operadoras com atendimento 24h e falado em português, afinal, em momentos críticos o melhor mesmo é falar sua língua nativa. E, mesmo que gaste um pouco mais, contrate o plano com limite maior e com transporte emergencial.

Não esqueça de verificar também se existem médicos e hospitais credenciados próximos dos locais onde você vai estar em sua viagem.

Eleição em Rio Preto é uma das mais disputada

Eleger-se vereador em Rio Preto é mais difícil do que passar em alguns vestibulares do país. Com 327 candidaturas aprovadas até ontem pela Justiça Eleitoral, Rio Preto tem relação candidato/vaga nesta eleição acima da médica nacional. São 17 cadeiras em disputa. A disputa fica de 19,2 para candidatos para cada vaga. A média nacional é de 7,8. Há 449.756 candidatos em todo Brasil que disputam 57.434 vagas nas câmaras municipais.

A relação também supera a média regional e do estado de São Paulo (veja quadro acima). A concorrência por uma das cadeiras no Legislativo de Rio Preto aproxima-se até da maior cidade do Brasil. Em São Paulo, existem 1.251 candidatos e 55 vagas de vereador. A relação na capital é de 22 candidatos para cada cadeira na Câmara. Comparado com algumas cidades do mesmo porte, como Bauru, Rio Preto também tem disputa acirrada.

Neste ano, mais candidatos vão disputar os votos dos cerca de 300 mil eleitores em Rio Preto. Na eleição de 2008, havia 276 candidatos a vereador na corrida por uma das 17 cadeiras. Neste ano, a quantidade é 18,45% maior. Há 8 anos, quando também haviam 17 cadeiras em disputa, 273 candidatos participaram da corrida eleitoral para a Câmara.

Com a maior concorrência das últimas eleições, a votação neste ano em Rio Preto ultrapassa até a relação para cursos de algumas universidades do país.  No vestibular da Unicamp, por exemplo, a disputada por uma vaga no curso de engenharia elétrica é de 17. Mas excesso de candidatos não significa mais qualidade nesta eleição. Por isso, autoridades recomendam que eleitores pesquisem bem antes de votar. “É preciso ver todo passado, a seriedade e as propostas concretas dos candidatos”, afirmou ontem o promotor eleitoral Lélis Moreira.

A concorrência também aumentou porque neste ano a quantidade de candidatos é maior do que a verificada há 4 anos. Foi justamente por causa da expectativa de mais candidatos que partidos e vereadores tentaram aprovar projeto que aumentaria número de vagas no Legislativo de 17 para 23.

Devido à pressão popular, projeto que previa inchaço no Legislativo foi arquivado. Com isso, tornar-se vereador vai ser mais difícil, já que a eleição para a Câmara não garante os mais votados nos cargos. Cada uma das coligações precisa atingir o quociente eleitoral– divisão do número de votos válidos pelo número de cadeiras na Câmara– para eleger um vereador. A estimativa desta eleição é que o quociente possa chegar até a 15 mil votos. Na eleição passada, foi de 12,4 mil votos para eleger uma cadeira.

Corrida eleitoral já acumula 20 baixas

A disputa pela Câmara de Rio Preto acumula 20 baixas nas candidaturas. No total, 347 candidatos registram pedidos na Justiça Eleitoral. Quinze tiveram registros de candidatura indeferidos, principalmente por não comprovar que estavam em dia com a Justiça Eleitoral.  Outros cinco candidatos renunciaram e desistiram da eleição. Entre os candidatos ainda considerados aptos, há alguns que recorreram de impugnação, como Liszt Abdala (PV), e esperam decisão final. Liszt recorreu ao TSE para ser candidato.

Certidão de Quitação Eleitoral Negativa

A certidão de quitação eleitoral negativa ou comprovante eleitoral, como é mais conhecido é um documento que pode ser emitido no site do Tribunal Superior Eleitoral ou online. É esse documento que comprova que o cidadão está em dia com a Justiça Eleitoral. Para emitir a mesma, você deve ir até um posto de atendimento do cartório eleitoral com sua certidão de nascimento ou casamento, carteira de trabalho, título de eleitor e documento oficial com foto. Ou, se você preferir pode ser através da internet.

Data das Inscrições do Enem 2019

O Ministério da Educação publicou, na edição desta segunda-feira (18) do Diário Oficial da União, o edital com as regras da edição de 2019 do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem 2019. As provas serão realizadas em 24 e 25 de outubro, e as inscrições serão abertas às 10h da próxima segunda-feira, dia 25 de maio.

O Exame Nacional de Ensino Médio, muito conhecido apenas por sua sigla Enem, é anual. O processo de inscrição atualmente é feito online e com pagamento de taxa. Mas alguns alunos possuem isenção na taxa de inscrição do Enem. Saiba mais!

Como funciona e para que serve o Enem?

Quem possui mais de 30 anos deve ter feito o Enem apenas como opcional. O exame era uma forma de medir a qualidade do ensino do Brasil mas não era obrigatório. Passou a ajudar na nota da primeira fase do vestibular em meados de 2003 e só nos últimos cinco anos ganhou uma grande importância.

Hoje o exame elaborado e aplicado pelo Ministério da Educação serve tanto para medir a qualidade de ensino como vestibular para muitas instituições do Brasil. As universidades federais adotaram em peso a prova como sua primeira fase com enorme sucesso e as privadas possuem os dois processo seletivos.

Os programas governamentais também usam o exame, por isso o Enem é de suma importância para quem quer ter benefícios na educação. A nota do Enem é válida e obrigatória para:

  • o Fies;
  • o ProUni (bolsas de estud0).

Quem tem direito a isenção do Enem?

O pagamento do Enem é uma taxa única a ser paga em qualquer banco até o limite da data inscrição. O cadastro é feito por meio do site oficial do exame.

Alguns interessados em fazer a prova podem não pagar a taxa. São os isentos por direito, que são eles:

  • Concluinte do ensino médio 2017 concluinte em escola pública;
  • Estudantes com renda familiar de até um salário mínimo que tenham cursado todo o ensino médio em escola pública;
  • Estudante que tenha uma renda familiar de até um salário e tenha sido bolsista no ensino médio;
  • Família de até três salários que esteja no Cadastro Único.

Se o candidato ao Enem não estiver em nenhuma das categorias descritas acima a isenção não é aceita e deve-se pagar o boleto normalmente. Caso o boleto tenha vencido então é necessário voltar ao site e solicitar um segundo documento, desde que o prazo de inscrição já não esteja encerrado.

Como solicitar isenção na taxa de inscrição do Enem

Quem possui direito a inscrição possui apenas algumas modificações para se cadastrar na Página do Participante Enem 2019. O primeiro passo é fazer o seu cadastro no site oficial do exame. É necessário informar todos os dados pessoais e enviar para a organizadora.

No momento de solicitar o pagamento é só clicar em “isenção de taxa” e preencher o formulário na tela com as informações. Todos os dados serão analisados por CPF pelo sistema e se a isenção for aceita, será informada no site.

O prazo dos isentos é diferenciado. A inscrição fica pendente e caso seja aceito o pedido de isenção ele vai para o site como pago. Caso não, é avisado por e-mail ou no próprio site no cadastro pessoal e o boleto fica disponível para pagamento.

Educação na Europa

A Europa é um continente bastante grande, cercado por mitos, lendas e histórias. A experiência de estudar no Velho Continente é encantadora – e é, realmente, maravilhosa. Entretanto, há que se levar em conta que existem mais de quatro mil instituições de ensino superior na Europa, desde universidades de investigação de ponta até pequenos institutos politécnicos.

Resultado de imagem para educação

A Europa é também uma vasta região que se estende desde o Círculo Polar Ártico até à costa africana, onde minúsculos principados coexistem com as principais economias mundiais.

Definitivamente, é um destino fascinante, mas que país escolher? Que universidade escolher? O que é necessário fazer antes de partir? O que acontecerá à chegada? Estas são apenas algumas das perguntas que provavelmente já colocou a si mesmo.

O Livro 7 Passos para Ganhar uma Bolsa de Estudos na Europa compilou informações e criou essa página na intenção de disponibilizar essas informações, completamente distintas das que constam no Livro, sobre os 32 países europeus, seus principados, as principais cidades e suas Universidades.

  • Por que estudar na Europa?

A Europa é reconhecida mundialmente como um centro de excelência em aprendizagem. Todos os anos, as universidades europeias destacam-se entre as 100 melhores a nível mundial. E apenas a Europa pode oferecer instalações e oportunidades de investigação de ponta em conjunto com a possibilidade de seguir as pisadas dos mais influentes pensadores do mundo.

  • Qualidade garantida

A Europa está a desenvolver um sistema de garantia da qualidade do ensino superior. Está a ser delineado um processo geral de controlo de qualidade para 2010, altura em que a Europa será um símbolo de garantia da qualidade no ensino superior.

  • Investimento

Estes critérios acadêmicos elevados são alcançados sem necessidade de gastos avultados. Sendo o sector da educação uma das principais prioridades da Europa em matéria de competitividade, as propinas e as despesas diárias são razoáveis.

  • Legado de experiência

A Europa pode gabar-se de muitos séculos de excelência acadêmica. Um rico legado acadêmico baseia-se em muitos acontecimentos marcantes do conhecimento humano e, atualmente, as instituições de ensino superior europeias beneficiam desse legado de experiência.

  • Diversidade

Existem, na Europa, milhares de instituições de ensino superior que oferecem uma grande variedade de programas de estudos. Desde universidades de investigação de prestígio até pequenos institutos politécnicos, certamente que encontrará o que procura.

  • Tradição e inovação

Descubra um continente com uma imensa e profunda riqueza de tradições e uma História tão diversificada quanto os seus muitos povos e paisagens. Ao mesmo tempo, a Europa é um terreno fértil para a investigação e a inovação, berço de recursos de alto nível e cientistas prestigiados que trabalham em domínios que vão desde a medicina às viagens espaciais, da nanotecnologia à investigação polar, das TIC à fusão nuclear.

  • Multiculturalismo

A Europa oferece uma experiência cultural única num ambiente dinâmico e multinacional. Além de obter uma qualificação de prestígio mundial, terá a oportunidade de aprender novas línguas e competências interculturais que são de grande valor para os futuros empregadores e uma vantagem essencial neste mundo em constante mudança.

  • Oportunidade

Estudar na Europa proporciona-lhe uma educação de elevada qualidade que será respeitada em todo o mundo. Além disso, pode beneficiar das várias bolsas de estudo que as universidades europeias oferecem.

  • Abrir portas para o futuro

Os empregadores não só ficarão impressionados com a sua educação como apreciarão igualmente as outras competências que adquiriu. A sua estada na Europa prepará-lo-á para a economia global, desenvolvendo trunfos como autoconfiança, independência e competências multiculturais e linguísticas que o farão destacar-se da concorrência.

  • Competências transferíveis

Muitos países incentivam os melhores estudantes a permanecerem após a conclusão dos estudos. Em alternativa, poderá regressar ao seu país de origem com as novas competências adquiridas e aí utilizá-las. O ensino superior europeu aumentará a sua mobilidade, na Europa e no resto do mundo.

  • Oportunidade para viajar

Sempre quis conhecer a Europa? Estudar no Velho Continente será o pretexto ideal para as suas viagens. Aproveite a oportunidade para visitar as nossas grandes cidades, banhar-se nas nossas belas praias, esquiar nos Alpes ou juntar-se à “fiesta”.

Cursos Gratuitos no Brasil

No Brasil, você pode fazer parte do Pronatec – Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Trabalho, esse programa foi criado pelo Governo Federal para que o cidadão possa ter mais oportunidades de estudos e trabalho.

Através desse programa você pode realizar cursos técnicos e profissionalizantes. Aproveite!

Segunda Chamada Vestibular 2019

Algumas universidades públicas já começaram a disponibilizar os resultados da segunda chamada do Vestibular 2019, feito através do SiSU, modelo adotado nos últimos anos para unificar o processo seletivo utilizando a nota do ENEM 2019.

Resultado de imagem para sisu

Segundo os dados do Ministério da Educação, o número de inscritos no SiSU deste ano foi de 1,7 milhão, já superando o número do ano anterior.

Para saber os resultados do SISU, basta acessar o site do MEC, ou o site da faculdade na qual escolheu se inscrever. Ao todo, foram liberadas 127 mil vagas para 101 instituições de ensino.

Além da nota no ENEM 2018, o fator determinante para a aprovação do aluno é a nota de corte do curso escolhido. A nota de corte é a média necessária para aprovação no curso escolhido. Assim, o estudante pode comparar sua nota no ENEM com a média exigida e averiguar quais são as chances de entrar na universidade.

Depois de realizar a inscrição, você pode acessar o site e conferir o Resultado Sisu 2019.

Na maior parte das universidades, o prazo para apresentar a documentação necessária vai de 11 a 14 de abril. Em outras, o período apresentação vai de 11 a 14 de março. O candidato deve estar atento ao cronograma de sua universidade.

 

Como Ganhar Bolsa de Estudo

Se você deseja terminar ou iniciar o seu ensino, seja o ensino básico ou a pós-graduação, e não tem condições de pagar seu curso, existe o programa Educa Mais Brasil, que disponibiliza bolsas de estudos para os estudantes.

Para participar desse programa, você deve realizar a inscrição e aguardar ser aprovado ou não. Para determinar a aprovação ou não, se avalia a condição financeira do estudante. Após ser aprovado, você deverá pagar 10% do valor da taxa de inscrição.

Se a bolsa concedida for menos de 100%, o estudante deverá pagar o restante do valor de forma correta. Lembrando que se o aluno desistir do curso e trancar a matrícula, o mesmo irá perder o benefício e para retornar, será preciso entrar em contato com o programa.

Depois de ser aceito você terá acesso ao Portal do Aluno Educa Mais Brasil, o qual é disponibilizado para o estudante acompanhar a situação da sua bolsa, as possíveis pendências, documentação, pagamentos, entre outras coisas.

Aproveita a oportunidade de iniciar seus estudos com um valor reduzido e se inscreve no Educa +!