Home Geral Argentina amplia controle de preços em supermercados

Argentina amplia controle de preços em supermercados

by Logan Nelson

No domingo 24, o presidente da Argentina, Alberto Fernández, intensificou os trabalhos de controle de preços em supermercados e hipermercados do país, com a finalidade de “desmantelar manobras especulativas”.

“Diferentes áreas do governo intensificaram as operações de controle de preços visando a desmantelar manobras especulativas em diferentes estabelecimentos, como supermercados e hipermercados”, informou o Ministério da Economia.

A decisão se deu duas semanas após o governo federal renovar o programa de congelamento de preços. Com essa iniciativa, Fernández visa a fornecer um valor de “referência” para o custo dos produtos considerados de consumo diário.

-Publicidade-

O plano voltou para tentar frear o avanço da inflação, que já chegou a 65% em 12 meses. Fernández decidiu tabelar os preços de cerca de 950 produtos de mercearia, limpeza, perfumaria, alimentos e bebidas.

Além dos supermercados, as fiscalizações também foram realizadas em empresas que produzem bens de consumo de massa, com “alto poder de mercado”, e no transporte de mercadorias, para evitar “sonegação de impostos”.

A ministra da Economia, Silvina Batakis, viajou ao exterior, para tentar acalmar os mercados estrangeiros. Silvina está em Nova Iorque e deve se reunir com investidores.

Leia também: “Peronismo à brasileira”, artigo de Silvio Navarro publicado na Edição 121 da Revista Oeste

Related Posts