Home Economize Bitcoin surpreende investidores e preço dispara novamente

Bitcoin surpreende investidores e preço dispara novamente

by Logan Nelson
.fb-comments,.fb-comments span,.fb-comments span iframe[style]{min-width:100%!important;width:100%!important}

Após uma série de quedas no valor de mercado, o Bitcoin voltou a registrar altas na última semana

.fb-comments,.fb-comments span,.fb-comments span iframe[style]{min-width:100%!important;width:100%!important}

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Após um período de graves quedas, o Bitcoin (BTC) apresentou novas altas na última semana e atingiu a marca de US$ 24 mil no dia 20 de julho. A capitalização do mercado está acima de US$ 1 trilhão. A variação semanal da criptomoeda mais conhecida é de mais de 24%. 

Recentemente, o mercado cripto passou por uma crise com o colapso da Terra (Luna) e fatores externos da economia mundial, o que gerou um sentimento de incerteza nos investidores que passaram a migrar suas aplicações para ativos mais seguros. Além disso, as plataformas de empréstimos também sofreram instabilidade. 

No ano passado, o Bitcoin atingiu sua máxima histórica de US$ 69 mil. Nos últimos meses, a moeda passou a ser negociada na casa dos US$ 20 mil, uma redução de 68%. A perda geral do mercado somente neste ano chega a mais de US$ 1 trilhão. 

Nova alta no preço do Bitcoin

Essa ascensão do BTC é justificada pela recuperação dos mercados de ações mais amplos em meio a expectativa do aumento de juros pelo banco central norte-americano. Segundo o analista de mercado, Alex Kuptsikevich, ao Infomoney, o dólar mais fraco é outro fator que contribuiu para a alta da criptomoeda. 

Porém, ainda de acordo com o analista, é preciso analisar com cautela já que se essa movimentação positiva parar, acontecerá um grande aumento nas vendas. Outros analistas da área também afirmam que esse é um momento breve que deve durar até as novas divulgações sobre a economia global. 

É importante ressaltar que é comum, em mercados que operam em baixa, uma volatilidade positiva. Os profissionais da área acreditam que esse momento negativo do Bitcoin precisa de mais tempo para passar de fato. Além disso, o risco de uma recessão global também impacta diretamente os ativos digitais. 

Sugestões para você

Valor de mercado das principais criptomoedas 

Diante desse cenário, confira o valor de mercado das principais moedas do universo cripto. 

  • Bitcoin (BTC): US$ 23.706,76;
  • Ethereum (ETH): US$ 1.601,83;
  • Tether (USDT): US$ 1; 
  • USD Coin: US$ 1;
  • BNB: US$ 268,61.

Histórico do Bitcoin

O Bitcoin foi criado em 2008 e se consolidou como principal criptomoeda. Ao longo de sua recente história, a moeda apresentou grandes oscilações, como é o habitual nesse tipo de mercado. 

Em 2012, o BTC valia US$ 5,30. Já em 2017, a criptomoeda teve valorização de 1291,44% atingindo a marca de US$ 13.850,40. Em novembro de 2021, alcançou a sua máxima histórica de US$ 69 mil. 

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças? 

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Twitch e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, empréstimos, fintechs e matérias relacionadas ao mundo das finanças.

Imagem: REDPIXEL.PL / Shutterstock.com

Related Posts