Home Cinema & TV Dica | Animações esquecidas no Disney+

Dica | Animações esquecidas no Disney+

by Logan Nelson

Em meio a mais de 80 anos de filmes animados, é de se esperar que nem todas as animações da Disney sejam tão celebradas quanto as consideradas clássicas. No entanto, com o Disney+, encontrar esses filmes ficou mais fácil.


Pensando nisso, o CinePOP separou cinco animações mais esquecidas pelo público que você não pode perder. Confira!

A Espada Era a Lei

Adaptando o clássico da literatura mundial, A Espada Era a Lei conta a história de origem do lendário Rei Arthur, que passa sua juventude sendo conhecido como Wart. Ao se deparar com a cabana do Mago Merlin, o garoto vai tentar se convencer de que está destinado à grandeza e vai passar um tempo se aventurando e aprendendo com o mago. É uma animação com todo aquele jeitão dos desenhos da Disney dos anos 60.

Robin Hood

Assim como A Espada Era a Lei, Robin Hood é uma releitura de um clássico imortal da literatura do mundo. Nessa história, todos os personagens são representados por animais, o que deixa tudo mais divertido. A trama gira em torno do ladrão e arqueiro, Robin Hood, que rouba a fortuna dos ricos e a redistribui para os que precisam. Quem não gosta nada disso é o Príncipe João, que vai tentar de tudo para prender o rival.

As Peripécias de Um Ratinho Detetive

Inspirado nas aventuras de Sherlock Holmes, As Peripécias de Um Ratinho Detetive acompanha a história de Basil, um rato que mora embaixo da casa do Sherlock e também atua como detetive. No caso representado neste filme, ele tenta ajudar uma garotinha a encontrar seu pai, um fabricante de brinquedos que foi sequestrado pelo terrível Professor Ratagão (Vincent Price). É uma aventura bem sombria para os padrões da Disney, mas nada comparada ao próximo filme.

O Caldeirão Mágico

Considerada a animação mais sombria da história da Disney, O Caldeirão Mágico é uma aventura medieval que ostenta o vilão mais sinistro do estúdio: o Rei de Chifres. Ele quer usar o caldeirão mágico para liberar poderes sobrenaturais e tomar Prydain. Cabe ao jovem Taran, que encontrou uma espada mágica, e à princesa Eilonwy se unirem para tentar vencê-lo.

Aproveite para assistir:[embedded content]

Oliver e Sua Turma

Esse filme é tão esquecido que até mesmo quem lembra dele se esquece que é da Disney. Baseado nas aventuras de Oliver Twist, esse longa conta a história do gatinho Oliver, que se une a um grupo de cachorros de rua para sobreviver, até que é adotado por uma menininha rica de Nova York. O problema é que ela acaba sendo sequestrada por um vilão com uma horda de dobermans. Agora, cabe ao pequeno Oliver reunir sua turma para ajudar a resgatar sua amiga.

Bônus: Irmão Urso

Existe uma polêmica sobre esse filme ser ou não esquecido, até porque ele voltou a ser bastante comentado nos últimos anos por ser um dos poucos filmes a trazer uma representação respeitosa acerca da cultura indígena norte-americana. Na trama, Kenai é um jovem indígena que recebe como totem o urso do amor. Zoado pelos irmãos, ele sai em um jornada para provar que tem mais qualidades do que “apenas” amar. No entanto, ele acaba sendo atacado por um urso, que termina matando seu irmão. Tentando ensinar uma lição para o garoto, os espíritos ancestrais transformam Kenai em um urso e agora ele vai viajar junto a Koda, um ursinho tagarela, para chegar às montanhas onde as luzes tocam o chão para ele tentar conversar com os espíritos e retornar a sua forma humana. É uma aventura lindíssima sobre amizade, companheirismo e amor.

Não deixe de assistir:[embedded content]

Related Posts