Home Cinema & TV Doses elevadas de adrenalina voltam com Top Gun: Maverick

Doses elevadas de adrenalina voltam com Top Gun: Maverick

by Logan Nelson

“Top Gun: Maverick” chegou, em 2022, com uma sequência do clássico dos anos 1980. O filme, no qual Tom Cruise interpreta o piloto Pete ‘Maverick’ Mitchell, continua com doses elevadas de adrenalina, sobretudo nas acrobacias aéreas dos F-18 que a Marinha dos EUA emprestou à produção.

A produção, realizada por Joseph Kosinski, conta a história de um capitão da Marinha norte-americana que tem por objetivo treinar jovens pilotos. ‘Mav’ é escolhido para dar treinamento aos novos pilotos, para que estes possam partir para uma missão quase impossível. A história tem um herói e vilões, como manda a tradição da sétima arte.

Por outro lado, em “Top Gun: Maverick” os espectadores conseguem voar, na lembrança, com flashbacks que o autor passa para a tela. Por meio da ação, acabam sendo recriadas cenas antigas do primeiro filme e passadas lições de treino nos testes aéreos dos dias de hoje.

Um filme como “Top Gun” pode passar mensagens nas entrelinhas ou convidar a uma reflexão, mas o primeiro objetivo é entreter as pessoas, oferecendo-lhes espetáculo e emoção. E “Top Gun: Maverick” consegue.

Além disso, para aqueles que ainda não viram o filme e jogam as suas apostas sobre o final, não vamos desvendar o desfecho. Em “Top Gun: Maverick” a vitória é dos bons contra os maus? 

Uma coisa podemos garantir: uma das grandes vantagens de “Top Gun: Maverick”, em 2022, está na evolução tecnológica, a qual permite que, agora, as perseguições aéreas dos F-18 sejam consideravelmente mais empolgantes.

“Top Gun: Maverick” passa também uma mensagem muito importante de companheirismo, fora da tela. É que Tom Cruise acaba por contracenar com Val Kilmer. O ator, recorde-se, luta contra um câncer na vida real, mas Cruise fez questão de ter o colega na sequência.

Sucesso em toda a linha de “Top Gun: Maverick”

O filme “Top Gun: Maverick” é um sucesso de bilheteira a nível mundial e, no Brasil, não é exceção.

A dimensão de popularidade do filme é tal que várias áreas empresariais não passam ao largo desta da sequência cinematográfica.

Por exemplo, os jogos online associaram-se a esse sucesso da sétima arte e se você acessar na Betano pode somar lucros financeiros enquanto se diverte.

Se você gostou do filme “Top Gun: Maverick” tem uma boa oportunidade de passar essa paixão para a ação no Betano Aviator, um caça-níquel de sucesso, onde você pode vestir a pele de Pete ‘Maverick’ Mitchell.

Esse game permite que você seja o ‘Mav’ de um avião, no Cassino Betano. Quanto mais longe o avião for, maiores serão os proveitos financeiros do jogador. A missão passa por impedir que o avião caia.

As melhores casas de apostas online estão sempre atentas aos fenômenos de popularidade, sejam eles esportivos, de entretenimento ou até políticos.

“Top Gun: Maverick” tem ajudado na retomada do audiovisual, após anos de pandemia com confinamentos a retirarem público das salas de cinema.

A aposta do autor de “Top Gun: Maverick” é simples no argumento e não muito diferente do que era nos anos 80. Mas, por vezes, está na simplicidade a receita para o sucesso, em um tempo em que a diversidade impera.

Daí que, no Brasil, milhões também já tenham passado pelas salas de cinema para verem o longa.

Related Posts