Home Geral Esposa de Biden compara latinos à comida mexicana durante discurso

Esposa de Biden compara latinos à comida mexicana durante discurso

by Logan Nelson

Resumindo a Notícia

Um comentário da primeira-dama dos Estados Unidos, Jill Biden, que circula nas redes sociais, indignou a Associação Nacional de Jornalistas Hispânicos (Nahj, na sigla em inglês), que a lembrou que os latinos “não são tacos”.

Em um discurso na segunda-feira (11) no Texas, por ocasião da conferência anual UnidosUS 2022, organização que defende os direitos civis dos hispânicos nos Estados Unidos, a esposa do presidente americano disse: “A diversidade desta comunidade, tão distinta como as adegas do Bronx, tão belas quanto as flores de Miami e tão únicas quanto os tacos de café da manhã aqui em San Antonio, é a sua força”.

A Nahj reagiu, visivelmente irritado, dizendo que “usar tacos de café da manhã para tentar demonstrar a singularidade dos latinos em San Antonio demonstra uma falta de consciência cultural e sensibilidade à diversidade dos latinos na região”.

Mais de 62 milhões de hispânicos vivem nos Estados Unidos, de acordo com dados do censo de 2020, em um grupo muito diversificado culturalmente.

“Nós não somos tacos”, protestou a Nahj, a maior organização de jornalistas latinos dos Estados Unidos, no Twitter, instando Jill Biden e a equipe que escreve seus discursos “a reservar um tempo no futuro para entender melhor as complexidades de nosso povo e comunidades”.

“Nossa herança como latinos é formada por uma variedade de diásporas, culturas e tradições culinárias, e não deve ser reduzida a um estereótipo”, acrescenta.

Em pleno período pré-eleitoral para pleito legislativo de meio de mandato em novembro, os republicanos se juntaram às críticas. Em um tuíte, o congressista republicano Carlos Giménez afirmou que os hispânicos “não são um monolito”.

“Caso a Casa Branca precise de um lembrete: não, não somos tacos”, mas “somos um povo muito real e diversificado, formado por diferentes histórias, comidas e até variações de linguagem. Temos sonhos e aspirações. Queremos estudar, trabalhar e progredir”, insistiu Giménez.

A crítica forçou Jill Biden a se desculpar. “A primeira-dama pede desculpas, suas palavras apenas transmitiram pura admiração e amor pela comunidade latina”, reagiu seu porta-voz, Michael LaRosa, em um tuíte.

Related Posts